Login    



2005, vol XIV, nº2
Julho - Dezembro


A versão integral deste texto só está disponível on-line para os sócios da APM com as quotas actualizadas. Se é sócio faça o seu login.


Artigos

Revisitando o conceito de probabilidade com um olhar da Psicologia
Carolina Carvalho; J. António Fernandes

Resumo. Na sociedade actual lidar com a noção de probabilidade tornou-se uma necessidade de qualquer cidadão para conseguir interpretar muitos dos eventos com que é confrontado nos mais variados contextos da sua vida. Em resposta a essa necessidade, tem sido introduzido nos currículos da generalidade dos países o seu estudo, enquanto meio de compreender a incerteza inerente a tais eventos, esperando-se que os alunos pensem, apreendam e descrevam a realidade de uma forma não determinista. Para planear actividades e situações que ajudem os alunos a construir um conceito tão complexo como o de probabilidade é fundamental o professor compreender como esse conceito se desenvolve ao longo da vida da criança e do adolescente. Encontrar na literatura explicações sobre o modo como este conceito evolui leva-nos até aos trabalhos de Piaget e Fischbein e seus colaboradores, sobre os quais nos debruçamos neste artigo com o objectivo de daí retirar algumas implicações para a sala de aula.

Palavras-chave: Conceito de probabilidade; Perspectiva de Piaget; Perspectiva de Fischbein; Ensino de probabilidades.


Páginas : 71 a 88

<< Voltar ao Indíce





© Copyright 2007 Associação de Professores de Matemática / Todos os direitos reservados