HomeLoja Virtual
Para beneficiar das opções personalizadas deste site tem de fazer login ou registar-se como sócio da APM.
 A Associação
 Publicações
 Actividades
 Recursos
 Outros
 Eleições 2017

Home > Publicações > Educação e Matemática > Nº 89 · Setembro/Outubro 2006


EM89 Setembro/Outubro 2006
A versão integral deste texto só está disponível on-line para os sócios da APM com as quotas actualizadas. Se é sócio faça o seu login.


Artigos

ZENÃO de ELEA e o tempo
Carlos Sá

Excerto. Os quatro argumentos de Zenão de Elea “contra o movimento”
gozam duma inegável popularidade. Conhecem‑se oito ou nove argumentos que lhe são atribuídos (dos quarenta que, segundo Proclo de Lícia, teria concebido), mas os quatro que pretensamente demonstram a impossibilidade de movimento são os mais populares e os que mais têm estimulado o engenho de matemáticos, físicos e filósofos (quase sempre na tentativa de os desmontar, e não de os compreender). É impossível dar aqui uma ideia, mesmo que muito pálida, de tudo o que se tem escrito sobre estes quatro argumentos,
pelo que me limitarei, após breves considerações
introdutórias, a tentar expor a interpretação que deles deu
Jean Zafiropoulo no livro L’École Éléate (Paris 1950).


Páginas : 30-33

<< Voltar ao Indíce


© Copyright 2010 Associação de Professores de Matemática / Todos os direitos reservados
tecnologia ínCentea