HomeLoja Virtual
Para beneficiar das opções personalizadas deste site tem de fazer login ou registar-se como sócio da APM.
 A Associação
 Publicações
 Actividades
 Recursos
 Outros
 Eleições 2017

Home > A Associação > Grupos de Trabalho > Grupo de Trabalho de Geometria [GTG] > Reuniões > 15 de Dezembro

15 de Dezembro

às 10 horas, na ESE

Ordem de trabalhos:
1. Ponto de informações (10.00 - 10.45)
    1.1 Visita ao Museu do Azulejo
    1.2 Última reunião do CN
    1.3 Número temático E & M 2013 
    1.4 Sobre a necessidade de alterações na nossa página no site da APM e proposta correspondente
    1.5 Próxima reunião: está sugerido o dia 5 de Janeiro na ESE à tarde, 14.30

2. Projecto Construções geométricas (10.45-12.00)
    Problemas clássicos, soluções não ortodoxas, teoremas de impossibilidade

3. Outros assuntos (12.00 - 12.40)
    3.1. Puzzles matemáticos (pede.se que alguém se ofereça para propor um método de trabalho para abordar no futuro este tema)
    3.2. Observação sobre a necessidade de pensarmos em termos de axiomáticas locais, ideia sugerida pela Nota sobre a razão de ouro

4. Encontro sobre Arte e Matemática na ESE (12.40-13.30)

Síntese da reunião:
1.1.   O Eduardo informou o grupo de que ele próprio, a Rita, a Cristina, a Sónia e a Ana reuniram-se com a Julieta do Museu do Azulejo, tendo concordado em ser feita uma carta para enviar à escolas com o conteúdo do projeto. Os alunos da Rita já foram visitar a exposição, tendo achado interessante, mas ainda não houve ninguém a escolher a simetria dos painéis de azulejos como tema do trabalho Matemática e Arte.

1.2.   A ata do CN já se encontra disponível no moodle. Foi pedido que os grupos de trabalho analisassem os textos que foram divulgados recentemente no âmbito das metas, para que a direção disponha de informação para se pronunciar sempre que necessário.

1.3.   Os editores do número temático da Educação e Matemática de 2013 serão a Rita e o Eduardo. Foi discutido o tema proposto, Matemática e Cultura, e algumas formulações alternativas que não colocassem a Matemática fora da cultura, embora não se tenha chegado a nenhuma conclusão. A Sónia sugeriu o Jaime Carvalho e Silva para a produção de algum artigo. A Rita contou-nos que, tendo em conta o 10º aniversário da morte do Paulo Abrantes, este será homenageado em todas as revistas de 2013.

1.4.   Todo o grupo concordou com as alterações propostas pela Rita e pelo Eduardo para a nossa página. Ficou decidido que o projeto da medida, coordenado pela Florinda, irá sendo articulado com o das construções geométricas, o principal projeto do GTG. A Sónia é a coordenadora do projeto da análise dos documentos das metas e organização curricular.

1.5.   Os presentes concordaram com a calendarização proposta

2.   O Pedro apresentou o seu trabalho, contemplando os três problemas clássicos e algumas das soluções não ortodoxas. Na próxima reunião irá apresentar o restante, altura em que será discutida a organização das apresentações dos vários temas no âmbito das construções geométricas.
Descarregue aqui o ficheiro GSP com esta apresentação.

3.   A Rita vai mandar por mail a sua opinião sobre os puzzles matemáticos.
     O Eduardo decidiu continuar a escrever o livro das conexões matemáticas, coordenando o GTG nos intervalos. O livro será integrado na coleção do GTG.
     A Maria Dedó vem a Portugal e vai encontrar-se com o Eduardo. Achámos que seria importante ela estar presente numa das nossas reuniões.

4.    Esteve presente a Cristina Loureiro para discutirmos o encontro Arte e Matemática. A Cristina contou-nos que um dos objetivos é incluir professores de Educação Visual e do 1º ciclo.
A escola António Arroio, nas pessoas da Cristina Saporiti e Rita Bastos, também vai participar na organização do encontro. Também há vontade de que a escola Soares dos Reis também participe, embora ainda não tenha sido efetuado nenhum contacto nesse sentido. O GTG será representado na comissão de organização pela Sónia e pela Florinda.
A data proposta para o encontro foi Abril/Maio de 2013. O Eduardo salientou que preferia que as sessões do encontro fossem mais fortes do que conferências, defendendo que os participantes deveriam ter um espaço e tempo para aprender, mais do tipo workshops. A Cristina Loureiro considerou que neste 1º encontro deveriam ser divulgados os trabalhos já existentes, bem como os projetos desenvolvidos neste âmbito.
O Eduardo mostrou-se disponível para dinamizar uma sessão prática no encontro.

Apresentação
Como participar no GTG
Reuniões
Projetos
Arquivo histórico
© Copyright 2010 Associação de Professores de Matemática / Todos os direitos reservados
tecnologia ínCentea